Cerimónia de abertura do mês do coração | 5º aniversário CRECUL

Decorreu, ontem, a sessão de abertura do mês do coração. O mês de maio é dedicado em especial às doenças cardiovasculares. Ao longo do mês são várias as atividades, conferências e ciclos de conversas, organizadas pelo Centro de Reabilitação Cardiovascular da Universidade de Lisboa (CRECUL), que tem como principal objetivo ajudar na recuperação de uma pessoa com doença cardiovascular e prestar auxílio a nível fisiológico, psicológico, social, vocacional e emocional.

A sessão de abertura ficou marcada pelo 5º aniversário do CRECUL. Por este programa já passaram 129 participantes e este ano conta com 55 inscrições. A certificar a sua qualidade, o Programa de Reabilitação Cardiovascular (RVC) conta já com um ano de certificação da Associação Europeia de Cardiologia/Sociedade Europeia de Cardiologia (EAPC/ESC).

Fausto J. Pinto, Diretor da Faculdade de Medicina de Lisboa, fez a abertura da sessão e afirmou que “este é um projeto pioneiro e um verdadeiro programa académico”. O Professor acrescenta ainda que, “se há exemplo de que uma universidade e uma estrutura académica tem capacidade para implementar projetos na área da Saúde, este é um excelente exemplo”. Afirma que este projeto “vem preencher no espaço público aquilo que hoje em dia é considerado como uma das necessidades fundamentais na reabilitação, no bem-estar, na promoção da Saúde e no bom prognóstico dos doentes com patologia cardiovascular”.

Defensor desde o início do projeto, o Magnífico Reitor Professor Doutor António Cruz Serra, Reitor da Universidade de Lisboa, afirmou que acarinhava este projeto enquanto Universidade de Lisboa e que a sua concretização “parecia que tudo tinha sido ontem”.

O Professor Doutor Luís Sardinha, Diretor da Faculdade de Motricidade Humana da Universidade de Lisboa, refere que no que diz respeito ao exercício físico “nunca é tarde para começar, mas é sempre cedo para desistir”.

O Centro de Reabilitação Cardiovascular da Universidade de Lisboa (CRECUL) desenvolve-se na articulação entre a Faculdade de Motricidade Humana (FMH), a Faculdade de Medicina (FM), a Faculdade de Psicologia (FP) e o Estádio Universitário da Universidade de Lisboa (EULisboa), sendo reconhecido pela Universidade de Lisboa como uma iniciativa comunitária no âmbito da Saúde.

Seguiu-se a visita guiada pela Professora Rita Pinto que foi apresentando os números que comprovam o sucesso do programa, bem como as ambivalências de uma equipa jovem e bastante empenhada e dinâmica. A comprovar esse espírito de entrega testemunhariam as responsáveis pelo acompanhamento de Nutrição e de Yoga, que sustentam que as melhorias do corpo se tratam também pelo equilíbrio da mente.

A cerimónia de abertura contou com a presença da Professora Doutora Ana Abreu, Diretora Clínica do CRECUL; Professora Doutora Helena Santa-Clara, Diretora do Programa de Exercício do CRECUL; Dr. João Roquette, Diretor do Estádio Universitário de Lisboa; Professor Doutor Luís Sardinha, Diretor da Faculdade de Motricidade Humana da Universidade de Lisboa; Professor Doutor Fausto Pinto, Diretor da Faculdade de Medicina de Lisboa e o Magnífico Reitor Professor Doutor António Cruz Serra, Reitor da Universidade de Lisboa.

Pode ver toda a cerimónia de abertura, aqui.