Projeto com financiamento europeu já escolheu o seu investigador

in FMUL

Projeto da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, com a duração de seis anos, financiado pela União Europeia com cerca de 2,5ME

Maged K. Boulos é o Professor escolhido para assumir o principal projeto do ERA Chair iSTARS, razão que o fez encontrar-se pessoalmente em Lisboa com o Diretor da Faculdade, Fausto Pinto.

Projeto da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, com a duração de seis anos, financiado pela União Europeia, o ERA Chair iSTARS tem como principal objetivo a promoção da ciência de dados como uma ferramenta de investigação em saúde e medicina, através da criação e consolidação de uma unidade de ciência dados de excelência reconhecida internacionalmente.

Até à data este projeto recebeu aproximadamente 2,5 ME para que a FMUL desenvolva uma unidade de excelência em ciência de dados e Medicina.

O investigador que vem viver para Portugal

Em fevereiro de 2021 o projeto iSTARS abriu o concurso internacional para a posição de Investigador/a EEI (ERA Chair Holder). Das 85 candidaturas recebidas, 48 foram apurados. Mas foi Maged K. Boulos quem reuniu todos os pontos para ser o eleito.

Formado em Medicina, fator que o aproxima na interação com a classe médica e com os/as investigadores/as nesta disciplina, publicou de forma significativa no campo da telemedicina. O professor é ainda um investigador experiente na área da inteligência artificial – aprendizagem automática (machine learning)/ processamento da linguagem natural (natural language processing).

O seu percurso foi um diálogo constante entre a prática clínica e a informática médica, sendo esta uma caraterística muito interessante para o projeto iSTARS e para a FMUL. Desenvolveu aplicações informáticas e de programação que permitem a recolha de dados de saúde sem comprometer o direito à privacidade. Do seu já vasto currículo Maged K. Boulos traz a experiência de diversos países, incluindo o Reino Unido e a China.

Comentários recentes